Ejaculação Precoce: o que é, sintomas, cuidados, tratamento e muito mais.

A ejaculação precoce é um dos males que acometem homens diariamente no mundo inteiro, independentemente da idade, gênero ou outras características ou fatores especiais. Ela é vista por muitos como o “fim do mundo”.

Porém, é preciso entender que é algo bem comum no dia a dia, todos os homens sofrem com isso diariamente e possui sim tratamento para que aconteça com menos frequência ou quase nunca. Leia aqui informações completas.

Clique aqui e leia informações completas sobre o Tesão de Vaca!

O que é a ejaculação precoce?

Ejaculação Precoce: o que é, sintomas, cuidados, tratamento e muito mais.

É classificado ejaculação precoce quando o homem possui um orgasmo mais cedo do que o comum durante a relação sexual. Caso isso aconteça mais vezes ou com uma frequência contínua, é preciso procurar ajuda médica.

Geralmente acontece quando a ejaculação acontece 1 minuto após a penetração vaginal ou com uma redução muito significativa no tempo de duração no sexo. Se isso acontece com você, não se preocupe, um a cada três homens possuem essa condição.

Quais são os tipos?

Existem tipos diferentes da ejaculação precoce, veja abaixo:

  • Primária: desde o início da vida sexual o homem não consegue continuar com a relação;
  • Secundária: acontece quando o homem possuía controle, mas agora não tem mais;
  • Situacional: acontece em situações específicas;
  • Variável: em alguns momentos acontece a ejaculação precoce;
  • Subjetiva: o controle é acima do tempo de dois minutos, porém não a satisfação na relação sexual.

Existem várias técnicas e exercícios que são executados para que o problema seja resolvido.

Quais são as causas?

Ejaculação Precoce: o que é, sintomas, cuidados, tratamento e muito mais.

O problema não possui uma causa específica, porém fatores biológicos e psicológicos são os mais aceitáveis. Geralmente os psicológicos ficam em torno de:

  • Disfunção erétil;
  • Problemas de ansiedade;
  • Problemas na relação com a parceira ou parceiro;
  • Uso de medicamentos específicos.

Já os biológicos podem ser:

  • Níveis hormonais que ficam acima do normal;
  • Nível de neurotransmissores acima do normal;
  • Atividade irregular do sistema ejaculatório;
  • Problemas na tireoide;
  • Inflamação na próstata ou uretra;
  • Fatores genéticos;
  • Problemas no sistema nervoso.

Fatores de risco

Os principais fatores que podem facilitar a ejaculação precoce no organismo são a disfunção erétil, causada pelo medo ou anseio de perder a ereção, além do estresse, que gera instabilidade emocional ou causam problemas de concentração.

Quais são os principais sintomas?

Ejaculação Precoce: o que é, sintomas, cuidados, tratamento e muito mais.

O sinal mais claro da ejaculação precoce é quando a ejaculação acontece muito antes do normal. Porém, isso pode acontecer tanto na relação sexual ou na masturbação, por exemplo.

São facilmente identificados e podem ser tratados com medicamentos específicos ou com acompanhamento psicológico.

Tratamentos mais comuns

  • Terapia sexual: é indicado que o homem se masturbe algumas horas antes da relação sexual, além de evitar a penetração por si só no momento do sexo;
  • Técnica do aperto: estimular sexualmente o membro até que quase se ejacule, assim, a parte final do pênis é apertada por alguns segundos. Deve-se parar a estimulação sexual por cerca de 30 segundos e então começar o processo novamente. O processo deve se repetir até que queira se ejacular;
  • Método “parar e começar”: quase igual ao método anterior, estimula-se a relação até quase atingir o orgasmo. Pare o estímulo por 30 segundos e assim repita o processo.
  • Medicamentos: são usados antidepressivos, porém, devem ser receitados pelos especialistas como urologistas ou psiquiatras.

Quais são as complicações?

Ejaculação Precoce: o que é, sintomas, cuidados, tratamento e muito mais.

Mesmo sem problemas mais sérios para a saúde, é possível que o problema interfira na qualidade de vida do paciente, dificuldades nos relacionamentos e estresse gerado. Muitas vezes, o problema de ejaculação precoce pode causar infertilidade.


Ajude a melhor ainda mais o site, avalie:

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (No Ratings Yet)
Loading...

Leave a Reply